Marcas de Saudade - Clara Strapazzon
 

 

 

 

Clara Strapazzon

 

 

 


As bordas dos versos teus,
Escorrem copioso pranto,
São lágrimas dum adeus,
Nas cores do desencanto.

 
 


Ela partiu sem despedidas,
Com o coração em pedaços,
Resolveu mudar de vida,
Refugiou-se noutros braços.

 

 


De olhar fixo no sol poente,
A saudade grita forte,
Em emoções borbulhantes...

 

 



Reprimes sonhos, descrente,
Sem rumo, sem chão, sem norte,
Teu hoje, vive distante...

 

 


 

 

 

 

   

 

 

 

 


 

Envie essa página a um amigo

Seu Nome:
Seu E-mail:
Nome do Amigo
E-mail do Amigo:
Digite uma mensagem para seu amigo

 

 

* Clara Poesias *
O Jardim das Emoções
 
Design by Clara Strapazzon ®
Copyright © 2007/2012 by Clara Strapazzon
Todos os direitos reservados.
 
 
 
 marinheiro